LEV DESIGN

Como criar um Portfólio de Arquitetura

compartilhe

Aprender como criar um portfólio de arquitetura é como lecionar para crianças, a partir de histórias de contos de fadas. Você deve mergulhar o cliente na sua própria imensidão, a fim de detalhar cada etapa do processo, fazendo-o sentir parte do seu conceito, estilo e principalmente, da sua motivação. 

Quando criamos sensações em nossos clientes, transformando-os em parte de nossas escolhas, fazemos com que se sintam importantes, únicos e especiais. E talvez essa seja a principal proposta, da ideia por trás de como criar um portfólio de arquitetura.

Ser arquiteto ou design de interiores, é ser responsável por dar vida aos sonhos das pessoas. É ter em mãos o poder de solucionar questões, muitas vezes, descritas como impossíveis. 

E aprender a fazer isso corretamente, de maneira objetiva e honesta, pode transformar você em um dos melhores profissionais do mundo, pelo simples fato, de que você deseja ser a melhor versão de si mesmo.

Aqui na LEV DESIGN você encontra soluções para operar essa mudança em seu trabalho, aperfeiçoando cada vez mais as suas técnicas e habilidades.

Clique aqui e saiba mais!

 

Como criar um Portfólio de Arquitetura

 

Mas então, como criar um portfólio atraente e que seja responsável por sua ascensão profissional?

O objetivo do profissional da área de arquitetura é encantar! E diante disso, você deve demonstrar criatividade, inovação, técnicas, domínio, e sobretudo, coragem! 

Sim! É preciso coragem para arriscar e dizer que acredita naquilo que faz e que faz com amor, sendo assim, faz bem feito!

Mas antes de sair dando a cara a tapa, você já sabe qual é o caminho que deseja seguir na carreira? Esse deve ser o primeiro aspecto abordado em seu portfólio!

 

Defina com clareza o objetivo do seu portfólio

 

Que tipo de cliente você quer atrair? 

O cliente em potencial quer ver aquilo que de fato, corresponda às suas necessidades, sendo assim, saiba o que mostrar e para quem mostrar!

Se você quer atrair grandes investidores do mercado imobiliário, construa um portfólio que vá direto ao ponto. Sem rodeios, mostre tudo o que é capaz, afinal, os investidores não tem tempo disponível e raramente estarão abertos a inúmeras reuniões. 

Agora se você precisa de um portfólio para uma vaga de doutorado, antes de criar seu projeto, verifique quais os formatos aceitos pelas universidades. Isso poupa tempo e demonstra sabedoria.

Entenda que nem sempre as empresas estarão inclinadas a conhecer muitos projetos, por isso, escolha aquele pelo qual se orgulha. Se for o caso, apresente apenas um projeto, mas que seja o projeto da sua vida.

 

Conte uma história em seu portfólio de arquitetura

 

Criar uma linha cronológica também é uma boa alternativa, afinal, as pessoas gostam de conhecer a evolução dos profissionais.

Revelar ao cliente a sua própria história, pode começar a partir de uma capa criativa, seguida de uma introdução que emocione e enalteça o seu trajeto até então. Mas lembre-se, é importante manter a objetividade, priorizando o aprendizado, as habilidades e qualificações. 

Dicas para criar seu Portfólio de Arquitetura 

Em linhas gerais, vamos ao conceito básico de projetos arquitetônicos, separando-os por categorias:

  • Projeto de Arquitetura;
  • Escala Urbana;
  • Intervenções de Pequena Escala;
  • Fabricação Digital;
  • Produtos – Móveis
  • Pesquisa
  • Projetos Realizados
  • Representações em 3D
  • Representações Arquitetônicos em Vídeos
  • Design de Interiores

Tendo essa tabela como ‘norte’, ficará mais fácil aplicar as lições que devem ser aprendidas sobre o conceito de portfólio arquitetônico.

 

Como organizar seus desenhos em um portfólio? 

Existem muitos meios de organizar seus desenhos em um portfólio, e você precisa decidir qual será a melhor maneira de apresentá-los aos clientes.

Por exemplo, alguns profissionais preferem trabalhar com duas páginas abertas, mas só você será capaz de definir se uma seção vale ser distribuída em duas folhas, ou se deve permanecer em um local menor.

Ao criar um Portfólio Online, por exemplo, faça as pranchas de modo que funcionem perfeitamente em telas 4:3 ou 16:9.

Com relação as resoluções, 1920 ou 1080 pixels a 72 dpi, são as que funcionam melhor em computadores, smartphones e tabletes. 

É importante criar um portfólio responsivo, ou seja, que possa ser acessado de qualquer dispositivo.

Características pertinentes ao Portfólio de Arquitetura 

Evite longas descrições e saiba detalhar com precisão as principais informações do projeto, inclusive, nomes, escala, área, duração, etc.

 

Texto e Imagens 

Texto claro e objetivo, conciso e construído com base em uma linguagem acessível e intuitiva.

O projeto deve conter imagens 3D, fotos, material gráfico, maquetes, plantas baixas e croquis. Os clientes adoram tudo o que é visual!

 

Narrativa

Jamais se esqueça de contar uma história!

A construção da narrativa é primordial em qualquer projeto, e seu portfólio deve guiar o cliente pelos elementos da história. 

Foque nessa etapa do trabalho!

Escolha um estilo que te represente e dê vida às suas ideias!

Mostre aquilo que queira fazer e tenha prazer em realizar!

Um bom Portfólio de Arquitetura pode dar sentido à sua vida, e sem dúvida, é capaz de dar sentido a vida dos outros!

Ficou com alguma dúvida sobre como criar um portfólio de arquitetura? Fale conosco e baixe gratuitamente nosso material exclusivo!

 

Continue lendo

Outros Artigos

Qual é a lição que podemos tirar do Fyre Festival

Uma das questões que mais negligenciamos no nosso dia a dia é o planejamento das nossas tarefas. 
É possível enxergar em diversos seguimentos como a falta de planejamento pode acabar facilmente com uma empresa ou o trabalho de uma pessoa. 
Um grande exemplo disso é o evento Fyre Festival. O caso ocorreu em 2017 e até hoje é lembrado pela velocidade em que chegou ao gosto do público, e principalmente na rapidez em que virou um verdadeiro fracasso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.