LEV DESIGN

Como criar imagens 3D persuasivas nos seus projetos

compartilhe

As imagens hoje ocupam uma posição de destaque e importância no mercado físico e digital, afinal, nós estamos em um mundo cada vez mais visual. Instagram, Pinterest, Facebook, esses só são alguns dos locais onde somos bombardeados por imagens o dia inteiro. E por isso nós vamos te mostrar como criar imagens persuasivas para chamar a atenção do seu possível futuro cliente.


Afinal, são nessas mídias também, que ele
 costuma estar quase todos os dias, inclusive consumindo referências do que ele gosta e deseja.


E isso nos leva a questionar: por que será que tantos
arquitetos e designers em suas mídias sociais sofrem com o número baixo, e até mesmo nulo, de solicitação de novas propostas, se o seu cliente está ali tão acessível?


A resposta pode estar mais nas imagens em si do que no conteúdo que elas publicam. Muitos cometem erros simples e os mais comuns são:

  • Imagens do projeto publicadas com resolução baixa;
  • Falta de cuidado com a luz;
  • Escolha de um enquadramento que não valoriza o projeto.


E se você reconheceu um ou todos esses erros nas suas publicações e apresentações de projetos, fica tranquilo, nós vamos te dar algumas dicas que podem ajudar na hora de produzir imagens e deixá-las persuasivas.

 

Continue lendo…

Resolução, iluminação e ângulo

A tríade da fotografia

imagens persuasivas

Uma imagem com pouca resolução, faz com que sua foto pareça amadora. Essa é uma dica que é impossível deixar de seguir: imagem de qualidade sempre!

 

A iluminação também é um fator importantíssimo. Se a imagem for representada na luz do dia, tente aproveitar ao máximo a iluminação natural e evite as luzes artificiais.


Se você pensou em uma representação à noite, aproveite para destacar luzes com cores mais quentes e difusas, entre tantas outras opções que podem
valorizar o seu projeto. 


A luz é uma ótima aliada, se usada da forma correta.


E para um bom enquadramento, evite ângulos que deixem os objetos distorcidos (esticados) e se atente a altura do olhar do observador. 


Uma forma de treinar o seu olhar é buscar fotos reais de interiores e arquitetura, assim você consegue ver os vários ângulos que pode explorar.


Além de todos esses truques que acabamos de lista, o que queremos mostrar para você hoje são 2 técnicas que vão além da “tríade” da fotografia. 


Elas são
pouco faladas, mas todo fotógrafo profissional e influenciador digital usam para criar imagens persuasivas.


Você irá terminar essa leitura com algumas estratégias certeiras para aplicar nas imagens hoje mesmo, tanto para
divulgação de seu trabalho em qualquer mídia, quanto para apresentações de projeto para o seu cliente. 

 

Não copie, Se Inspire

Calma, calma, nós sabemos que isso é óbvio… mas deixa a gente te explicar sob um ponto de vista um pouco diferente. 


Existe um Instagram que está dando o que falar chamado @insta_repeat . 


Ele reúne em cada post poses tiradas por pessoas diferentes, só que com fundos similares. Veja:


Ou seja,
existe uma metodologia por trás de cada foto. Uma receita de bolo que funciona e gera engajamento. 


O mesmo acontece para o segmento de arquitetura e interiores. Existem ângulos que despertam interesse maior e que valorizam o seu projeto. 


E o melhor é que cada conteúdo voltado para esse nicho pode ser único, mesmo repetindo os ângulos.


Logo, copie os ângulos, nunca o projeto.

 

Gestalt


Para criar imagens persuasivas, aplicar Gestalt é essencial. Aqui na Lev, essa técnica está presente em nossas imagens renderizadas, apresentações, diagramação, site… em tudo que fazemos por aqui. 


Aprofundamos bastante esse tema dentro do nosso curso de renderização
Lev Up e principalmente no nosso curso Lev Diagramação de Pranchas. Mas aqui vão algumas dicas para colocar a Gestalt em prática.


A Gestalt nada mais é do que um conjunto de regrinhas, que quando aplicadas, o nosso cérebro consegue ler e interpretar as imagens e elementos gráficos com mais facilidade.


E qual o benefício de usá-las?

  • Para criar familiaridade por quem vê a informação pela primeira vez;
  • Facilitar a linguagem e compreensão de quem está vendo;
  • Aumentar a atenção e interesse;
  • Trazer clareza e organização.

Tudo isso resulta em um aumento significativo na aceitação do projeto por parte do cliente e diminuição no número de revisões.


Sim, essa técnica usada da maneira correta é poderosa, porque o cliente entende o material apresentado com muito mais facilidade.


Vamos ver alguns princípios da Gestalt que podem ser aplicados na produção de imagens renderizadas:

 

 

Similaridade
imagens persuasivas

 

Funciona muito bem para evidenciar na imagem agrupamentos e trazer unidade. Por exemplo:

 

  • Na humanização do projeto, podemos colocar elementos decorativos próximos um do outro;
  • Agrupar plantas decorativas, ao criar uma organização na leitura da imagem 3D;
  • Fazer uma composição dos quadros: com semelhanças de cores e formas;
  • Pensar em uma iluminação similar em todas as imagens renderizadas do mesmo projeto.

Continuidade

O princípio da continuidade consiste em como nosso cérebro percebe os fluxos e a sequência dos elementos. 


Formas, linhas, profundidade, se tudo isso seguir uma linha de raciocínio e fluidez, sem precisar de outras justificativas, logo, esse elemento tem continuidade.


Trazendo isso para os nossos projetos e imagens, podemos aplicar elementos que vão fazer com que a mente do cliente consiga completar por si só o restante da informação, sem que para isso você precise mostrar. 


Por exemplo:


Em um projeto de uma sala, na imagem renderizada você posiciona a câmera para aparecer apenas parte do sofá no canto da imagem. 


Dessa forma, a mente naturalmente vai completar o restante da cena, projetando a outra parte do sofá que não foi mostrada. 


Mas qual o objetivo? 


Você consegue mostrar mais detalhes do projeto, por conseguir aproximar a câmera. Sendo assim, você não precisa mostrar sempre tudo em uma única imagem, e ainda
consegue um ângulo diferente do que você está acostumado a fazer e do que seu cliente está acostumado a ver.

 

imagens persuasivas

 

Claro e Escuro

imagens persuasivas

Essa técnica é bastante usada para criar contraste e profundidade na imagem. E esse é o conceito que mais usamos, pois conseguimos explorar ao máximo a combinação entre luz e sombra. Então, isso aumenta e muito a força do impacto visual que a imagem pode proporcionar. 


Existem outros exemplos da Gestalt, como proximidade, simetria, segregação, pregnância, etc.


Mas aqui quisemos trazer alguns deles para mostrar como você pode aplicar a Gestalt na produção de suas imagens. 

hora de criar imagens persuasivas

Um render incrível não acontece por acidente.

imagens persuasivas


Tudo é um sistema, e q
uando esse código é decifrado, a sua produção de imagens corre livre e solta.


Como você leu nesse artigo, fazer boas imagens em 3D para suas mídias e apresentações, não depende de genialidade ou um dom que nasceu dentro de você.


Pelo contrário.


Entender esse processo de fazer imagens renderizadas é o
caminho mais rápido e seguro para você acabar definitivamente com o bloqueio criativo, criar imagens incríveis, e ainda renderizar com confiança.


Por isso, com nossa experiência produzindo apresentações de forma profissional, acreditamos que se você aplicar as dicas básicas e as técnicas de Gestalt, suas imagens já terão um resultado completamente diferente. 


Gostou desse artigo? Então, se inscreva na nossa lista vip e receba mais conteúdos como esse.

Ah! E não se esqueça de compartilhar com seus amigos.

Continue lendo

Outros Artigos

Qual é a lição que podemos tirar do Fyre Festival

Uma das questões que mais negligenciamos no nosso dia a dia é o planejamento das nossas tarefas. 
É possível enxergar em diversos seguimentos como a falta de planejamento pode acabar facilmente com uma empresa ou o trabalho de uma pessoa. 
Um grande exemplo disso é o evento Fyre Festival. O caso ocorreu em 2017 e até hoje é lembrado pela velocidade em que chegou ao gosto do público, e principalmente na rapidez em que virou um verdadeiro fracasso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.